quinta-feira, 18 de setembro de 2008

UTA!

UTA! me dá uma uta. era assim que chamava abraço. quando não tinha intenções. quando não tinha tamanho. nem idade. nem namorado. nem macho.
agora era diferente. chamava de abraço. sentia desejo. e esperava. ele vinha. mas não todos os dias. ela fazia planos. e aguardava. com um copo cheio de alguma coisa. forte. ou fraco. bebia. se lambuzava. se embriagava. e ele não chegava. não tocava a campainha. tão logo ela adormecia. depois de umas cenas. ou páginas. ela fechava os olhos. e a porta...

10 comentários:

Alexandre Henrique. disse...

Eu nem sei nem oque comentar ainda estou atordoado pelo seu último texto, ele é intenso, mas vamos lá: adorei a foto linda :) a Metamorfose Ambulante, anda um bocado revelativa :P, uma coisa que eu queria saber, mas não sei se mereço saber mas tudo bem... Vc ainda joga futebol?

Achei triste esta evolução do UTA ~~~~~~


Beijos,:***
Alex.

A Senhora disse...

Eu lembro quando eu falava UTA!
Gente! Parece coisa de criança ou tia...
E a criança cresce... e UTA também cresce e muda. E cada um vai para um caminho...

beijinhos, querida.

f@ disse...

E a cada dia assim ... de espera e dissabor ela fecha + a porta do sonho e do abraço...
beijinho das nuvens

Xavier disse...

muda o o mundo
mudo fica
amos ficamos
mudos
surdos
sem braços
sem mãos
sem abraços
em vãos

um carinho, Jaque.

Camilla Tebet disse...

"com um copo cheio de alguma coisa.."
Enquanto são só os olhos e as portas fechadas.. o copo cheio resolve né? Adorei esse texto.
Uta é como meu sobrinho de 5 anos chama o abraço até hoje. Uta, menina que escreve bem, uta.

alexandre guardiola disse...

muito legal o teu espaço. o conto não é um vício?

Zélia Palmeira disse...

Retribuindo a visita!

Tudo era mesmo muito mais fácil quando criávamos nosso próprio vocabulário. Ainda crio os meus mas agora o que mais me pedem é que eu aprenda vocábulos de um dicionário qualquer...

Parabéns pelo espaço! ;)
Zélia

Ju disse...

é exatamente assim que acontece!
po gostei daqui...mais um blog inteligente de uma mente feminina. =)
bjs

Jaque Lima disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
BANDEIRAS disse...

O que vc chamava de uta, eu chamo hoje de MIMO. Qdo quero ser abraçada, beijada, acariciada pelo meu amor, digo que estou precisando de alguns MIMOS, ele logo entende e me deixa extasiada.
Um MIMO prá vc.