sexta-feira, 18 de setembro de 2009

a sala colorida


Não sabia por que permanecia ali sentada no sofá vermelho da sua sala colorida. Já passavam das duas da manhã. E a menina de olhos pintados e sandália azul havia passado o dia esperando. Tinha certeza que ele faria uma surpresa e apareceria de repente com o cabelo despenteado e seu all-star preto de cano alto. Não estava triste. Não estava feliz. Estava apenas sozinha na sala colorida.
Olhou as fotos ao lado dos lírios. Tinha uma dos dois. Ela estava com sua fita azul no cabelo e ele com seus óculos quadrados e grandes. Tinham passado aquele dia fazendo descobertas. Ali mesmo na sala colorida. Inventavam histórias. Se vestiam e “desvestiam”. Pintavam. Sorriam. Faziam silêncio. Só os dois.
Ela sorriu baixinho. Tirou as sandálias. E sentiu o chão gelado afundar na alma. Ligou a torneira e lavou os olhos. Deixou a água caindo em suas mãos. Parecia ter se esquecido ali. Não sabia o que faria. Talvez devesse escrever uma carta. Enxugou as mãos. Foi até o quarto de paredes verdes e tapetes vermelhos. Pegou papel e caneta. Sentou-se.
Amormeu,
sua foto ainda está ao lado dos lírios. a sala continua colorida. e o chão gelado. as coisas parecem as mesmas. e você não está aqui. às vezes fico esperando. talvez vocÊ apareça de surpresa. como sou boba. sei bem. é que você faz parte de mim. dos meus planos. da minha família. do meu dia. e da noite. não falo pelo excesso. falo pelo desejo.
Com todo amor do mundo.
foi tudo o que escreveu. esperou o dia amanhecer. e no dia seguinte foi visitá-lo. levou lírios. e a carta. levou a fita azul de cabelo. e os óculos grandes e quadrados. sentou-se. o túmulo era gelado. no cemitério fazia sol. e ela sorriu. depois chorou de saudade.

Imagem devianart by iTaylie

5 comentários:

Letícia disse...

Eu gosto de lírios e de cores. Esse amor romântico é o meu favorito, Jaque.

E me perdoa pelo sumiço.
Bjão.

Ilana disse...

Gostei muito do blog e do texto..
abrsss

Camilla Tebet disse...

Fortíssimo isso, fortíssimo. Ai, deu saudade aé em mim.

Camilla Tebet disse...

menina, saia dessa sala colorida e bora escrever mais outras cores.

Alexandre Henrique disse...

Poxa que texto em sua linda :*, tudo de bom pra vc. ^_^ Este texto é um peixinho :) Linda pois é a vida que melhor que a tristeza é a felicidade, custanto o que custar :P, ops quase isso. Beijos linda Tudo de bom :)